Novidade: criador do Orkut volta com nova rede social

Os investimentos, por volta de US$ 10 milhões, não teriam como objetivo de priorizar uma futura aquisição pelo buscador.



O Orkut sempre foi o queridinho, com suas comunidades memoráveis, fóruns de discussões, scraps e depoimentos. Mas a chegada do Facebook acabou com a rede social. Agora, Orkut Buyukkokten, 41 anos, está apostando na Hello Network. "A Hello é uma rede social para amar, não para curtir", comenta, numa clara alusão ao Facebook e o seu tradicional like. Informações são do Jornal do Comércio.

Natural de Konya, na Turquina, Buyukkokten é Doutor em Filosofia e Ciência da Computação e entende muito das tecnologias e do mundo virtual. Foi em 2014 que saiu da Orkut para cofundar a Hello, onde atualmente é CEO.

“O Orkut foi criado em 2004 e se tornou uma comunidade incrível, reunindo mais de 300 milhões de pessoas. Quando esse projeto chegou ao fim, foi um momento triste para todos nós. Nunca quisemos perder o que criamos juntos. Por isso, vejo o lançamento da Hello como o começo de um novo capítulo”, explica.

Hello

A nova rede social pretende criar um ambiente diferenciado, já que vai contra a ideia de que a tecnologia afasta as pessoas e gera relações superficiais. É seguindo este ideal, que a Hello nasce com conceitos de paixões, com a intenção de que as pessoas estejam todas juntas em um ambiente mais respeitoso e acolhedor. “[A Hello] É uma comunidade onde todos se sentem bem-vindos e incluídos, um lugar onde cada um pode expressar de forma autêntica as suas paixões, interesses e sentimentos”, afirma Buyukkokten, em entrevista concedida ao Jornal do Comércio.

Para que isso seja viável, a Hello se baseia no conceito de personas, que são como as antigas e clássicas comunidades do Orkut. A diferença principal é que ao invés de serem criadas pelos usuários, as personas são pensadas pelo próprio sistema. Mas a ideia permanece a mesma: reunir pessoas para discutirem sobre animais, cinema, música, trabalho e tudo o que for de seu interesse.
Buyukkokten acredita que quanto mais as pessoas se conectarem, “mais bonito o mundo vai se tornar”, mas que “as conexões da vida real não vêm da quantidade de pessoas que seguimos ou do número de amigos que temos on-line. Nossas melhores conexões são as nossas comunidades, a partir das conversas que temos e as experiências que partilhamos uns com os outros no mundo real”, acredita.

A rede social não é exatamente uma novidade: ela está no ar no Brasil desde julho deste ano e está disponível nas versões Android, Lollipop, iOS (a partir da versão 8) e Marshmallow.

“A Hello é uma comunidade onde todos são bem-vindos, incluídos, e não julgados. Nós acreditamos que, se as pessoas forem autênticas com as suas paixões, isso vai fortalecer os relacionamentos. Estou confiante de que, com esforço, criatividade e um bom design, nós podemos conectar pessoas e construir pontes. Podemos fazer novos amigos, descobrir novos colegas e encontrar um romance”, finaliza.
Share on Google Plus

About Redação Portal

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário