Santa Casa de Barra Mansa comemora Outubro Rosa

Evento contou com palestras e momentos de beleza, risadas e interação


O primeiro Outubro após a inauguração da Unidade de Atendimento de Alta Complexidade em Oncologia – Oncobarra foi especial na Santa Casa de Barra Mansa. O mês é dedicado à prevenção ao câncer de mama e a unidade preparou um dia especial para as mulheres em tratamento e seus familiares. Cerca de 40 pessoas participaram do evento, nessa quinta-feira, dia 20. Pequenas palestras aconteceram durante a tarde, na sala de quimioterapia. Durante a tarde as convidadas participaram de um momento de beleza e animação com clowns, além de sorteio de brindes e um super lanche. O evento contou com a parceria de empresas da região. 

“Que tarde agradável eu passei hoje. Um dia como esse é importante para a gente que precisa às vezes esquecer que tem a doença”, disse uma das pacientes. Falando de paciente, a advogada Amélia Vieira, que ainda está em tratamento contra o câncer de mama, deu um verdadeiro exemplo de perseverança, em uma palestra motivacional às pacientes. “O momento do diagnóstico é muito ruim e o tratamento demorado também é penoso para nós e nossos familiares. Quando fui motivada pelo Grupo da Vida a fazer palestras sobre o assunto, vi que podia ajudar outras pessoas e isso é muito bom”, disse.

Para reforçar, o radioncologista Daniel Vieira falou sobre a importância da prevenção e de como descobrir a doença ainda em seu estágio inicial ajuda no tratamento. “Muitas vezes é a falta de informação e também de estrutura de saúde da cidade ou região que a pessoa mora, que faz com que pacientes tenham um diagnóstico tardio. Hoje, temos na Santa Casa uma estrutura completa, o que dá maior rapidez no processo a partir do diagnóstico. Isso é maravilhoso para o tratamento”, concluiu.


A Oncobarra atende, atualmente, cerca de 50 pacientes com câncer de mama pelo SUS (Sistema Único de Saúde). Só no Estado do Rio, a previsão é que este ano termine com oito mil novos casos. A melhor forma de ter 100% de sucesso no tratamento é descobrindo a doença ainda em seu estágio inicial. “Daí a importância de ações como esta, que tiveram início na década de 1990 e possuem grande resultado na vida das pessoas. A prevenção é tudo e após a descoberta do câncer, o carinho, a atenção, o cuidado é tão importante quanto o tratamento”, salientou a gerente da unidade, Tereza Cristina Bastos. 
Share on Google Plus

About Redação Portal

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário