Santa Casa busca habilitação para transplantes de córnea

Primeira fase está em andamento; em 60 dias a unidade hospitalar deve receber visita do Ministério da Saúde



Dois anos após a implantação da OPO (Organização de Procura de Órgãos), a Santa Casa de Barra Mansa está prestes a receber a habilitação para transplantes de córnea. Com a documentação em dia e com todas as instalações preparadas, a instituição dá mais um passo rumo ao sonho da realização de transplantes na unidade hospitalar. No início do mês, uma equipe do PET (Programa Estadual de Transplante) esteve na Santa Casa de Barra Mansa para uma avaliação dos itens necessários, tais como capacidade da farmácia, documentação, serviço de esterilização, adequação do Centro Cirúrgico, entre outros.

Como a Santa Casa de Barra Mansa encontra-se dentro das normativas, acredita-se que o próximo passo seja a avaliação do Ministério da Saúde. “O PET não passa direto para a gente (Santa Casa) o resultado da avaliação. Eles encaminham o parecer técnico para o Ministério que, em seguida, agenda uma visita ao hospital”, explicou a controladora Joice Maia, acrescentando que o hospital solicitou a habilitação para o transplante de córnea, mas posteriormente, pretende buscar outras habilitações, como medula e órgãos sólidos. 

OPO - As Organizações de Procura de Órgãos são grupos de coordenação regional responsáveis por organizar e apoiar, no âmbito de sua área de atuação, o processo de doação/transplantes. Eles atuam em conformidade com o Regulamento Técnico do Sistema Nacional de Transplantes conforme a Portaria n 2.601 de 21 de outubro de 2009, que institui, no âmbito do Sistema Nacional de Transplantes, o Plano Nacional de Implantação das OPOs.

A OPO Barra Mansa, na Santa Casa, foi a quarta OPO do Estado do Rio de Janeiro a ser inaugurada. A OPO funciona 24 horas por dia atendendo 34 municípios e dando assistência para 25 grandes hospitais das regiões Centro-Sul, Médio Paraíba e Baía de Ilha Grande, atingindo alguns pontos da região Metropolitana.

PET - O Programa Estadual de Transplantes foi lançado em abril de 2010 e é responsável pela aplicação do novo Regulamento Técnico elaborado pelo Ministério da Saúde, através do Sistema Nacional de Transplantes (SNT) no Estado do Rio de Janeiro.

Share on Google Plus

About Redação Portal

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário