PREFEITO E COMANDANTE DA PM BUSCAM SOLUÇÕES PARA CONTER VIOLÊNCIA NA CIDADE

Autoridades se reuniram na manhã desta terça-feira, 19, no 37º BPM. Entre
as medidas discutidas está a autorização para que os policiais possam trabalhar nos dias de folga. Programa que permite isso foi suspenso após a intervenção militar no Rio


O prefeito Diogo Balieiro Diniz e o comandante do 37º Batalhão da Polícia Militar, Rhonaltt Buenos Pereira, se reuniram na manhã desta terça-feira, dia 19, para tentar encontrar soluções visando conter o crescimento da violência na cidade. No último domingo, 17, três pessoas foram assassinadas na região do bairro Vicentina e na Vicentina II, também conhecida como Marrocos, provavelmente em função de uma disputa entre facções. Além das mortes, três pessoas ficaram feridas no confronto, que colocou a comunidade em risco.

Entre as ações propostas durante o encontro, realizado na sede do Batalhão, está a solicitação para que o Judiciário destine o valor arrecadado com as chamadas transações penais, ou seja, os crimes considerados de menor potencial ofensivo, cuja pena é o pagamento de multa, seja direcionado para a melhoria das viaturas utilizadas pela forças policiais. Com isso, o número de rondas será intensificado em toda a cidade, em especial nas regiões periféricas da cidade, onde os índices que violência aumentaram nos últimos anos.

Além disso, durante o encontro também ficou definido que o prefeito Diogo Balieiro Diniz e o comandante da PM irão ao Rio de Janeiro nos próximos dias para um encontro com a equipe da Secretaria de Estado de Segurança Pública. Na ocasião, as autoridades tentarão viabilizar, junto ao Governo do Estado, o retorno do Proeis (Programa Estadual de Integração na Segurança), que permite que os policiais militares possam trabalhar durante suas folgas, aumentando assim o efetivo nas ruas. O programa foi suspenso, após a intervenção militar no Rio de Janeiro.

O prefeito Diogo Balieiro Diniz ressaltou que embora a segurança pública não seja uma responsabilidade dos municípios, a Prefeitura de Resende não irá se furtar no auxílio às forças policiais, visando conter o crescimento da violência na cidade, pois este problema afeta a todos: “mesmo não sendo uma responsabilidade da gestão municipal, não vamos cruzar os braços diante desta situação, que é inaceitável. Todas as pessoas têm o direito de ir e vir e de viver em paz onde moram e queremos trabalhar ao lado das forças policiais para garantir isso” – disse o prefeito.

A reunião contou também com as presenças dos secretários municipais de Educação, Rosa Frech, e de Administração, Kaio Márcio Resende de Paiva, além do comandante da Guarda Municipal, César Ricardo Aureliano Laurindo, e da presidente do Instituto EDUCAR, Alice Brandão.

Pedido reiterado

Esta não é a primeira vez que o prefeito Diogo Balieiro Diniz pleiteia apoio do Governo do Estado para conter a violência do município. Em fevereiro deste ano, por exemplo, quando houve a intervenção na segurança pública da capital, Balieiro participou de uma reunião no Rio de Janeiro, com as presenças do presidente Michel Temer e do Governador do Estado, Luiz Fernando Pezão, onde pediu que as medidas que adotadas na cidade do Rio de Janeiro fossem ampliadas também para o interior do Estado, em especial a região Sul Fluminense. O pedido tinha por objetivo impedir que os criminosos migrassem para as cidades do interior após as ações que desenvolvidas na capital.

Além disso, em outubro de 2017, o prefeito também esteve em Brasília onde se reuniu com deputados, senadores e ministros solicitando ações neste sentido. Um dos encontros foi com o general Marco Aurélio de Almeida Rosa, assessor especial do ministro da Segurança Pública, Raul Jungman, ao qual o prefeito relatou os problemas relacionados à segurança pública que já afligiam a população de Resende. Na ocasião, o prefeito pediu o apoio das Forças Armadas para combater o aumento da criminalidade. 
Share on Google Plus

About Redação Portal

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário